Resenha: No centro da terceira fileira

18:49:00


         A resenha de hoje traz a história de Rob, um cara dedicado e tão focado nos estudos que não percebe o mundo a sua volta até que quatro amigas invadem seu espaço e seu lugar favorito na sala de aula, nem tão perto e nem tão longe do professor: No Centro da Terceira Fileira.

Você conseguiria imaginar o que a pessoa ao lado está vivenciando? Alguma pessoa já conseguiu dominar os seus sentimentos e as suas atitudes? Você já fez isso com alguém? Até que ponto a brutalidade de um homem pode ser dominada pela simplicidade de uma mulher? Beleza, um corpo esbelto ou popularidade seriam pontos fortes ou sinais de fraqueza? Quem está em vantagem no jogo da sedução?Perguntas como essas são respondidas nesta obra, que aborda as coisas simples desses confrontos cotidianos, de maneira crua e por muitas vezes obsceno. Descaso, confiança, amor, sedução e sexo são coisas tão banais e tão presentes em nossas vidas que, quando fogem ao nosso controle, nos perguntamos onde erramos. Contudo, na verdade, sem querer, permitimos que elas estivessem sempre a nossa frente.
         A leitura desse livro me pegou de maneira muito pessoal, desde a primeira página me vi em Rob. O foco, a determinação, a falta de socialização que isso traz e a dificuldade em lidar com o mundo externo. Devo confessar, recorrer aos lenços de papel foram uma constante durante essa leitura. G. C. Neves escreveu o personagem principal – e a história como um todo – de forma que a leitura flui prazerosamente todavia algo me intrigou, eu já não me guiava na leitura, o livro estava fazendo isso sozinho. A história se passe em uma sala de aula, e como a  maioria sabe, depois de meus anos de estudo, voltei a escola para ensinar e se já tivesse lido esse livro enquanto ainda estava em sala, tenho certeza que teria uma percepção diferente sobre muitas coisas.
          Rob estava em sua zona de conforto, até que um dia, após ter seu espaço invadido e dar uma resposta grosseira, uma de suas colegas de sala tomou seu lugar, isso o obrigou a observar o ambiente em que estava inserido e que não participava pelo simples fato de nem sequer nota-lo. Ao iniciar esse leitura, devo alertar que há uma grande chance de viajar ao passado e ser espectador de suas memórias com um olhar diferente. Meus caros, ao olhar para trás vejo que fomos - ou somos - todos Rob.
    Aos focados e observadores, ouso dizer que este livro foi feito para nós, não se arrependerão da leitura e sentirão uma vez que ela for concluída.

      No Centro da Terceira Fileira tem 273 páginas - amareladas que a autora deste blog ama -, saiu pela Chiado Editora e você pode adquirir na Livraria Galileu ou na Cultura, ou ainda ler um pedacinho no Wattpad, recomendo a leitura no WP após realizar a compra e enquanto aguarda seu exemplar chegar para diminuir o tempo de angustia pela espera. Mais informações no site do autor.

ps: Antes que o post acabe e se o autor ler isso, preciso perguntar: O que foi aquilo na última página? Não consigo lidar com uma dose de surpresa daquela!!! Um epílogo, talvez? Se sim, lance esse livro logo homem, por favor.

You Might Also Like

40 comentários

  1. Que legal! O espaço dos escritores brasileiros estão aumentando cada vez mais. É muito bom ver quando um livro agrada tanto. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que temos que prestigiar aquilo que é nosso!
      A história merece, é ótima!

      Excluir
  2. Ja estava curiosa pra ler esse livro, depois da resenha então? Vou correr atrás dele haha, parabéns pela resenha, está ótima e me instigou muito a ler

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai sim! Não vai se arrepender, dá só uma dor doida quando termina, aquela ressaca literária pesada mas a leitura é ótima.

      Excluir
    2. Tenho sérios problemas com ressaca literária kkk mas por algum motivo eu gosto, significa que o livro é mt bom e que me tocou bastante

      Excluir
    3. Curar ressaca literária é fácil, você começa um novo livro com história mais sofrida e começa a sofrer tudo de novo, ai pronto.

      Excluir
  3. O livro parece muito bom e realista, acho que todos os jovens deveriam ler, baseado no que vi aqui

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, o livro me fez reviver algo semelhante ao que passei lendo "Quem é você, Alasca?", ele te leva a uma análise muito forte.

      Excluir
    2. nossa não me mate, mas minha vontade ler john green é 0

      Excluir
    3. Você deveria ter visto minha cara quando li isso.

      Excluir
  4. Ola flor, gostei da sua resenha, mas necessito de mais informações, tenho esse livro é já ouvi falar muito bem dele, quero um spoiler pra eu me animar a ler,rssss.
    One

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. One, vou ser ousada e dar logo um bem forte, lê a última página! A sensação é que o coração, o útero e o estômago se misturam e se tornam uma coisa só!

      Excluir
  5. Ola flor, gostei da sua resenha, mas necessito de mais informações, tenho esse livro é já ouvi falar muito bem dele, quero um spoiler pra eu me animar a ler,rssss.
    One

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. One, vou ser ousada e dar logo um bem forte, lê a última página! A sensação é que o coração, o útero e o estômago se misturam e se tornam uma coisa só!

      Excluir
  6. Gostei da resenha, amei o personagem preciso conhece-lo logo

    ResponderExcluir
  7. Gostei da resenha, amei o personagem preciso conhece-lo logo

    ResponderExcluir
  8. Sempre que vejo algum post sobre esse livro, fico interessada nele. Esse nome me chama a atenção, não sei porque.
    Adorei sua resenha e acho que conseguiu passar bem, de forma objetiva, o que a obra te passou. E você me ganhou ao compará-lo a leitura de Quem é você, Alasca? ali em cima nos comentários hahaha.
    Provavelmente irá para minha listinha

    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  9. Eu tenho curiosidade de ler esse livro, ainda mais agora, depois que li essa resenha já quero ir atrás desse livro para ler também.

    Parabéns pela resenha maravilhosa!!



    http://sociedadedolivroblog.blogspot.com.br


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito, muito, muito obrigada!
      Fico muito feliz pelo elogio.

      Excluir
  10. Haha adorei a resenha. Eu li recentemente ele e me senti exatamente assim no final. Ueh? Cadê o resto? Socorro.rsrsrs Super querendo o volume 2. Amei o blog. Beijos

    Blog Resenhando por Marina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é? Também fiquei com essa sensação hahaha

      Excluir
  11. parece que também gosta de luas!!! beijinhos
    dilostmoon.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  12. Nunca ouvi falar desse livro, obrigada por partilhar!
    Beijinho

    www.bloguerosa.com

    ResponderExcluir
  13. Gostei muito da sua resenha!
    Tenho visto esse livro muito no feed do instagram, e tinha até um interesse em lê-lo, mas vi alguns comentários negativos dele e me desanimou um pouco ..
    Beijos

    www.ironiadascapas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Gostei muito da sua resenha!
    Tenho visto esse livro muito no feed do instagram, e tinha até um interesse em lê-lo, mas vi alguns comentários negativos dele e me desanimou um pouco ..
    Beijos

    www.ironiadascapas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Já tinha visto outra resenha desse livro e fiquei bastante intrigada pra saber ao certo o que tinha de tão grandioso ao ponto de nos deixar refletindo sobre os acontecimentos ao nosso redor. E mais um vez fiquei com essa mesma dúvida depois que li na sua resenha.
    Gostei muito.
    beijos

    http://www.livrofilia.com/

    ResponderExcluir
  16. Uaaaaaaau!!
    Adorei a resenha e me ajudou muito, ele está em minha lista de leituras deste mês, vou correndo iniciar. 👏💖

    ResponderExcluir

Obrigada por acompanhar o blog e comentar, isso é muito importante para mim :)

Deixe seu comentário e eu responderei assim que possível.

Dúvidas, sugestões ou reclamações? Envie um e-mail para contato@meumundodalua.com

Nos curta no Facebook

Sobre a Lua

21 anos atrás, fogos de artifício estouravam no céu competindo com o barulho de um choro estridente de uma pequena panda que veio ao mundo com a missão de tentar fazer coisas loucas darem certo. O resto não lembro muito, mas cresci e me graduei em Pedagogia e Marketing, e ainda serei uma futura arquiteta!

Subscribe